domingo, 11 de setembro de 2011

Crise na educação e a influência dos espíritos


Livro do espírito Vinícius (Pedro de Camargo, educador espírita), psicografado pela médium Eliane Macarini, explica a atuação das organizações das trevas nas escolas

Nunca se viu antes uma degradação tão grande do setor da Educação no Brasil: professores agredidos em sala de aula, drogas nos pátios, brigas entre gangues à saída do período letivo e depredação dos prédios das escolas.
Os políticos, independentemente da coloração partidária, sempre colocam a Educação como prioridade em suas campanhas eleitorais. Porém, passadas as eleições, o que se vê é a pauperização da categoria dos professores, a falta de reciclagem dos mestres (antigamente eles eram chamados assim) e os investimentos na área sendo desviados para outros fins.
O tema é recorrente, opiniões e soluções não faltam para o “salto de qualidade” da Educação em nosso país. Agora, contudo, um novo enfoque para o problema foi trazido à luz pelo Espiritismo e pelo trabalho da médium Eliane Macarini, juntamente ao espírito Vinícius, pseudônimo adotado pelo grande educador espírita Pedro de Camargo, orador e incentivador do desenvolvimento das escolas da Federação Espírita do Estado de São Paulo, desencarnado em 1966.
A dupla é responsável por um dos livros mais importantes da recente literatura espírita. Lançado em março deste ano pela Lúmen Editorial, a obra Comunidade Educacional das Trevas – Um alerta para pais, professores e alunos veio trazer uma nova visão a respeito do tema ao incluir a obsessão como ingrediente fundamental na análise de tanta degradação. A situação deprimente nos colégios e estabelecimentos de ensino (públicos ou particulares) é reflexo da atuação de espíritos inferiores escravizados e treinados na Comunidade Educacional das Trevas, região especializada em criar perturbações na área escolar, visando, sobretudo, desvirtuar jovens ainda sem a devida força interior para rechaçar o mal. Esses jovens, presas fáceis para obsessões, começam a mudar o comportamento insuflados por ideias planejadas na Comunidade, cujas estratégias inferiores de ação são comandadas por espíritos inteligentes e preparados, só que voltados para o mal, como é o caso de Tibério, um dos líderes da Comunidade Educacional das Trevas.
“Vinícius é um espírito preocupado com a educação e o desenvolvimento espiritual de nossos jovens”, confirma a médium Eliane Macarini, que reside na cidade de Ribeirão Preto, em São Paulo. “E além disso – completa – é também um especialista em estudos da obsessão”. E é verdade: os outros três livros de Vinícius (Pedro de Camargo) abordam justamente casos difíceis de intrincadas obsessões. São eles: Obsessão e Perdão, Resgate na Cidade das Sombras e Aldeia da Escuridão, todos abordando a difícil transição de um espírito das trevas à luz.
Quanto ao tema da Educação, será que tudo está perdido? Nossos filhos e netos estarão irremediavelmente perdidos nas garras das gangues escolares influenciadas por espíritos inferiores? “Não, tudo já está mudando”, afirma Eliane Macarini. “Vinícius nos mostra em seu livro que uma plêiade de espíritos abnegados trabalha incansavelmente para neutralizar as forças do mal. Falanges de luz preparam-se para reencarnar na área da Educação e trazer de volta para as escolas os valores essenciais à evolução do ser humano”, conforta a médium.
Nós, aqui no plano físico, temos que fazer a nossa parte. Já faríamos muito se efetivamente transformássemos a Educação em prioridade: investimentos, salários dignos, reciclagem, conhecimento compartilhado e todas as crianças dentro das escolas. Afinal, só se neutraliza o mal fazendo o bem, essa é a melhor política.
O livro Comunidade Educacional das Trevas – Um alerta para pais, professores e alunos tem 312 páginas e pode ser adquirido aqui no site.

 Trecho de artigo publicado na Revista Cristã de Espiritismo, 87.
 Escrito por Celso Maielari 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...