quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Profanando e deturpando o sagrado (Pai Antônio das Almas)



 Nos dias atuais vemos uma massa de pessoas envolvidas pelos seus traumas, medos, síndromes e decepções transformados em dores dos espíritos procurarem o abrigo e o alento em casas destinadas a caridade Umbandista. Na maioria dos filhos que a estes postos de luz de Aruanda na terra se dirigem encontramos dentre os casos que lá se apresentam aqueles cujos traumas foram causados pela dor de uma separação afetiva, onde infelizmente o assistido coloca uma pessoa e não Deus como a razão de seu viver. Quando temos Deus dentro de nós aprendemos a recomeçar e enxergar em uma queda uma lição, um aprendizado novo que nos impulsiona para cima novamente só que mais fortalecidos e isso meus filhos poderíamos chamar de maturidade espiritual. Infelizmente nem todos estão preparados para agir desta forma, alimentando a inconformação de uma perda muitas vezes olhando de "nosso lado" benéfica e providencial. Aí encontramos fora de casas de lei de Umbanda sérias, os "comerciantes da fé" usando temas chamativos como "trazer alguém em determinado dia ou hora" prometendo resultados rápidos e promovendo para quem os procura mais débitos ligados à lei do carma e como se não bastasse isso, vemos estampados nas fachadas destes locais CENTRO DE UMBANDA OU ESPÍRITA X.

Infelizmente por parte daqueles que são desinformados e com inúmeras literaturas ligadas ao tema "amarração" vemos de Aruanda infelizmente o nome da religião centenária fundada pelo Caboclo das 7 encruzilhadas ser levada a sarjeta moral comparada com tais práticas.

Meus filhos, a Terra é um planeta onde impera a lei de causa e efeito, ou seja, tudo o que fazemos temos de responder pelos prejuízos causados pelos nossos atos, e vale lembrar que também tudo de bom que praticamos nos revestimos neste bem primeiro. Trabalhar com forças ligadas a enganação emocional, alimentadas por seres trevosos para se resolver este ou aquele problema que nada mais é do que fruto de nossa invigilância e imaturidade só aumenta nossos débitos perante a criação que se manifesta em nossa consciência.

Se mencionamos a lei do carma acima filhos, nego véio diz que " se você fez, Deus como caridade e bondade paternal lhe dá a chance de corrigir seu erro." Tudo na vida obedece a um curso natural filhos, não somos "senhores do destino" e devemos sempre pesar na balança de Xangô nossos atos e decisões para que não venhamos a ferir o destino e a vida desta ou aquela pessoa. "Comprar" um trabalho com a ilusão de resolução de nossa forma é o mesmo que limpar nossa casa e despejar dentro da mesma um caminhão de terra. Nosso futuro deve ser decidido e criado com atitudes sadias e pautadas no bom senso no presente. Devemos compreender que Deus sempre escolhe o melhor caminho para nós na condição de Pai que orienta seu filho ainda incapaz de decidir por si só. Reflitam meus filhos, nego Antonio quer ver estas mentes trabalhando. Não se compra solução, ao contrário se conquista através de nossa reforma interior a evolução que tanto almejamos. Não procure respostas ou Deus em "postes", mas, sim dentro de você mesmo!

Pai Antonio das Almas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...